domingo, 27 de abril de 2008

Falta de tempo...

Sem tempo, sem tempo, sem tempoooooo!!!!
Desculpem, queridos leitores. Ultimamente tenho estado com a cabeça nas nuvens...
Mas logo isso voltará ao normal, tenham certeza.
Por enquanto, aproveitem os posts antigos que têm muito conteúdo gostoso!
Em breve teremos vários novos pensamentos aqui registrados.
Acreditem! Minha cabecinha está fervilhando de idéias... Beijos!

domingo, 20 de abril de 2008

A morte não é tudo

“A morte não é tudo. Não é o final. Eu apenas passei para a sala seguinte. Nada aconteceu. Tudo permanece exatamente como foi. Eu sou eu, você é você, e a antiga vida que vivemos tão maravilhosamente juntos permanece intocada, imutável. O que quer que tenhamos sido um para o outro, ainda somos. Chame-me pelo antigo apelido familiar. Fale de mim da maneira que sempre fez. Não mude o tom. Não use nenhum ar solene ou de dor. Ria como sempre fizemos das piadas que desfrutamos juntos. Brinque, sorria, pense em mim, reze por mim. Deixe que o meu nome seja uma palavra comum em casa, como foi. Faça com que seja falado sem esforço, sem fantasma ou sombra. A vida continua a ter o significado que sempre teve. Existe uma continuidade absoluta e inquebrável. O que é esta morte senão um acidente desprezível? Porque ficarei esquecido se estiver fora do alcance da visão? Estou simplesmente à sua espera, como num intervalo, bem próximo, na outra esquina. Está tudo bem!”

quarta-feira, 16 de abril de 2008

TDAH Típico

TDAH - Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é uma síndome até hoje pouco estudada e que afeta significativamente a vida dos portadores. O Distúrbio de Déficit de Atenção não é aquele "charminho" de quem está estressado e deu prá esquecer as coisas ultimamente, mas sim algo muito mais complexo que deve ser diagnosticado por um especialista.
O texto abaixo é divertido, porém é o que acontece com muitos DDA's. Ele foi retirado do site http://www.tdah.com.br/ . Lá você pode tirar outras dúvidas sobre o transtorno.
"Recentemente fui diagnosticada com D.D.A.: Distúrbio do Déficit de Atenção. Explico melhor: decidi lavar o carro; rumei em direção à garagem e notei minha correspondência largada em cima da mesa. Vou lavar o carro, mas antes vou dar uma olhadinha na correspondência, pois pode ter alguma coisa urgente.
Ponho as chaves do carro na escrivaninha e quando vou jogar fora as propagandas inúteis, noto que a lixeira está repleta. OK, vou colocar as contas a pagar na escrivaninha e jogar lixo fora, mas já que vou perto da caixa do correio, decido pagar primeiro estas contas.
Agora, onde está meu talão de cheques? Oops, tenho apenas uma folha de cheque no meu talão. Meus novos talões estão na escrivaninha.
Oh, lá está a coca que eu estava bebendo. Vou buscar aqueles talões, mas antes eu preciso levar minha coca para longe do computador, talvez seja melhor colocá-la na geladeira para gelar um pouco. Vou em direção à cozinha e presto atenção às flores, que precisam urgentemente de água.
Coloco a coca no balcão da cozinha e Oh! achei meus óculos! Procurei por eles a manhã toda! Melhor eu guardá-los logo.
Encho um regador com água e vou em direção às flores... aaah! Alguém deixou o controle remoto da TV na cozinha. À noite, quando formos assistir à televisão, nunca iremos pensar em procurá-lo na cozinha, então é melhor levá-lo para a sala, onde é o seu devido lugar. Rego às plantas e, sem querer, derramo um pouco de água no chão. Jogo o controle remoto no sofá, e vou andando pelo corredor e tento me lembrar o que é que eu estava indo fazer.
Final do dia: o carro não está lavado, as contas não estão pagas, a coca ainda está largada no balcão da cozinha, as flores foram regadas apenas pela metade, o talão de cheques está apenas com uma folha e parece que não encontro as chaves do carro!
Quando tento entender porque nada foi feito hoje, fico atônita, pois SEI QUE ESTIVE OCUPADA O DIA TODO!!! Percebo que isto é uma coisa seríssima e que irei em busca de auxílio, MAS ANTES, acho que vou checar meu e-mail...
Favor enviar isto para todo mundo que você conhece, pois eu NÃO ME LEMBRO PARA QUEM EU JÁ ENVIEI! Mas não mande de volta para mim, ou posso enviar para você de novo!"

O Desperdicio da Vida

"A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade. A dor é inevitável. O sofrimento é opcional."
- Drummond.

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Perguntas e Respostas

Lembra daquele caderno de preguntas e respostas que as meninas passavam no colégio?
Sempre adorei responder... O legal daquilo é a gente poder conhecer melhor a opinião das nossas amigas, jogar assuntos polêmicos e ainda guardar como recordação!
Hoje, na sessão 'revival', recebi esse desafio da Bah! Aí vai:
1 - VIDA: Prá ser curtida intensamente...
2- AMOR: Essencial. Faz parte da vida do ser humano.
3 - CASAMENTO: Prá vida toda..!
4 - FAMÍLIA: Lembra daquela propaganda da Família-Doriana??
5 - DINHEIRO: Não tras felicidade, mas ajuda a sofrer em Paris!
6- HOMEM: O meu! O Mau!!
7 - MULHER: Nas próximas encarnações, quero continuar sendo uma!
8 - DESEJO: Rodar o Mundo...
9 - SUCESSO: Realização profissional
10 - PROFISSÃO: Me faz feliz!
11 - SAÚDE: É o que eu mais quero levar para as pessoas.
12 - INTERNET: Um vício...
13 – PRESENTE: Dedicação.
14 - PASSADO: Uso apenas como experiência. Esqueço o resto.
15 - FUTURO: Apenas um guia para o presente.
16 - POLITICA: Um saco!
17 - BRASIL: Exemplo de como as pessoas realmente não precisam de muito para serem felizes.
18 - SEXO: Fundamental
19 - ARTE: Uma grande paixão!
20 - OPINIÃO SOBRE O DESAFIO EM QUESTÃO: Achei muito interessante! Bom para nos fazer pensar...

terça-feira, 8 de abril de 2008

Brincando com a Comida

Não sou de empestear meu blog com baboseiras de email, mas essas fotos merecem pela arte e criatividade. Esses sim merecem um post! Eu morri de rir com a "laranja-suicída"! rsrsrs...

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Sabedoria de Vida

Se eu te perguntar qual a sua realização, você poderá dizer qualquer coisa. Mas com certeza vai concordar comigo: idealização é um jovem com a vivência de um velho.
Vamos agora ao que eu mais gosto - analisar a frase: Um "velho" com certeza seria uma pessoa com vasta sabedoria. Diria ainda que seriam conhecimentos nas mais diversas áreas, destreza para diferentes atividades, experiência de vida. Isso se adquire de duas maneiras: vivendo ou estudando. A vida pode te levar para todos os lugares, assim como um livro viaja pelos confins do mundo! E isso pode ser aplicado à todas as vivências que quiser. Converse muito, leia muito, seja curioso ao extremo! Absorva todo conteúdo que puder, como se fosse uma esponjinha! A sabedoria não precisa culminar com a idade se você souber como trabalhar isso.
E a mocidade? Também não só várzea! Sobre a juventude desta frase pode-se entender a alegria de viver, a espontaneidade, o sorriso na cara, a disposição de enfrentar a vida e a inocência que adoça os dias. Não significa um "corpitcho" torneado e a pele lisinha, não! Cada palavra esconde muitos significados, diversas interpretações.
Então, a interpretação que eu prefiro dar àquela frase do início do texto é: Tenha vontade de viver! Cante, brinque, sorria, mas não seja inconsequente, saiba seus limites, conheça o desfecho de suas atitudes sem se tornar duro demais consigo mesmo. Pense nos outros como a si mesmo, ame o máximo que puder, esqueça as desavenças e viva intensamente seus minutos. Se fizer assim, chegará longe e poderá olhar para tras e dizer: Sou jovem de espírito, mas desde cedo aprendi a ter a sabedoria da vida.

Seu Apoio Juridico

Medicina em Foco - últimas postagens