segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Convite para Jantar - O desabafo de uma mulher

Esse texto não é meu. Recebi por email e não sei o autor (ou melhor: autora. Nenhum homem seria tão bom de enxergar o universo feminino de uma maneira tão perfeita! Acho que nem mesmo sendo gay). Não deixem de ler! Duvido que ninguem se identifique com pelo menos uma parte do texto - ou ele inteiro!
--------------------------------
Quando um homem chama uma mulher para sair, não sabe o grau de estresse que isso desencadeia em nossas vidas. O que venho contar aqui hoje é mais dedicado aos homens do que às mulheres. Acho importante que eles saibam o que se passa nos bastidores... VAMOS LÁ:

Você, mulher, está flertando um Zé Ruela qualquer. Com sorte, ele acaba te chamando para sair. Vamos supor, um jantar. Ele diz, como se fosse a coisa mais simples do mundo:
- “Vamos jantar amanhã???”.
Você sorri e responde, como se fosse a coisa mais simples do mundo:
- “Claro, vamos sim!!!"
"Começou o inferno na Terra!!!". Foi dada a largada...

Você começa a se reprogramar mentalmente e pensar em tudo que tem que fazer para estar apresentável até lá. Cancela todos os seus compromissos canceláveis e começa a odisséia. Evidentemente, você também para de comer, afinal, quer estar em forma no dia do jantar e mulher "sempre se acha gorda". Daqui pra frente, você começa a fazer a dieta do queijo: fica sem comer nada o dia inteiro e, quando sente que vai desmaiar, come uma fatia de queijo. Muito saudável!!!

Primeira coisa: fazer mãos e pés... Quem se importa se é inverno e você provavelmente vai usar uma bota de cano alto? Mãos e pés tem que estar feitos - e lá se vai duas horas do seu dia. Vocês (homens) devem estar se perguntando:
- “Mão tudo bem, mas porque pé, se ela vai de botas?”
Lei de Murphy: Sempre dá merda!!! Uma vez, pensei assim e o infeliz me levou para um restaurante japonês daqueles em que tem que tirar o sapato para sentar naqueles tatames.. Tomei no ... bonito! Tive que tirar o sapato com aquela sola do pé cracuda, esmalte semi-descascado e cutícula do tamanho de um champignon! Vai que ele te coloca em alguma outra situação impossível de prever que te obriga a tirar o sapato? Para nossa paz de espírito, melhor fazer mão é pé, até porque boa parte dessa raça tem uma tara bizarra por pé feminino.
OBS: Isso me emputece. Passo horas na academia malhando minha bunda e o desgraçado vai reparar justamente onde? Na porra do pé! Isso é coisa de... Melhor mudar de assunto...
As mais caprichosas, além de fazer mão e pé, ainda fazem algum tratamento capilar no salão: hidratação, escova, corte, tintura, retoque de raiz, etc. "Eu não faço, mas conheço quem faça...." Ah sim, já ia esquecendo. Tem a depilação. Essa os homens não podem nem contestar - Quem quer sair com uma mulher não depilada, mesmo que seja apenas para um inocente jantar? - Lá vai você depilar perna, axila, virilha, sobrancelha, etc, etc. Tem mulher que depila até o ... ! Mulher sofre!!! E lá se vai mais duas horas do seu dia. E duas horas bem dolorida, diga-se de passagem.

Dia seguinte: É hoje o grande dia!!!

- Quando vou sair com alguém, faço questão da dar uma passada na academia no dia, para malhar desumanamente até quase cuspir o pulmão. Não, não é para emagrecer, é para deixar minha bunda e minhas pernas enormes e durinhas (elas ficam inchadas depois de malhar).

Geralmente, o Zé Ruela não comunica onde vai levar a gente. Surge aquele dilema da roupa. Com certeza, você vai errar, resta escolher se quer errar para mais ou para menos. Se te serve de consolo, ele não vai perceber. Aliás, ele não vai perceber nada!!! Você pode aparecer de Armani ou enrolada em um saco de batatas, tanto faz!!! Eles não reparam em detalhe nenhum, mas sabem dizer quando estamos bonitas (só não sabem o porquê). Mas, é como dizia Angie Dickinson: “Eu me visto para as mulheres e me dispo para os homens”. Não tem como, a gente se arruma, mesmo que eles não reparem!!!

Escolhida a roupa, com a resignação de que você vai errar, para mais ou para menos, vem a etapa do banho.. Depois do banho e do cabelo, vem a maquiagem. Nessa etapa, eu perco muito tempo. Lá vai a babaca separar cílio por cílio com palito de dente depois de passar rímel. Depois vem a hora de se vestir. Homens não entendem, mas tem dias que a gente acorda gorda. É sério, no dia anterior o corpo estava lindo e no dia seguinte... PORCA!!!!
- Não sei o que é (provavelmente nossa imaginação), mas eu juro que acontece.
Muitas vezes, você compra uma roupa para um evento, na loja fica linda e na hora de sair fica um cocô. Se for um desses dias em que seu corpo está um cocô e o espelho está de sacanagem com a sua cara, é provável que você acabe com uma pilha de roupas recusadas em cima da cama, chorando, com um armário cheio de roupa gritando:
- “Eu não tenho rooouuupaaa”!!!
O chato é ter que refazer a maquiagem...
- E quando você inventa de colocar aquela calça apertada e tem que deitar na cama e pedir para outro ser humano enfiar ela em você?
"Uma gracinha, já vai para o jantar lacrada a vácuo. Se espirrar, a calça perfura o pâncreas."

Ok, você achou uma roupa que ficou boa. Vem o dilema da lingerie. Salvo raras exceções, roupa feminina (incluindo lingerie) ou é bonita, ou é confortável. Você olha para aquela sua calcinha de algodão do tamanho de uma lona de circo. Ela é confortável. E cor de pele. Praticamente um método anticoncepcional. Você pensa :
- “Eu não vou dar para ele hoje mesmo, que se foooda!!!”
Você veste a calcinha. Aí bate a culpa. Eu sinto culpa se ando com roupa confortável, meu inconsciente já associou estar bem vestida a sofrimento. Aí você começa a pensar:
- “E se, mesmo sem dar para ele, ele pode acabar vendo a minha calcinha...”
- Vai que no restaurante tem uma escada e eu tenho que subir na frente dele... se ele olhar para essa calcinha, broxará para todo o sempre comigo...
Muito puta da vida, você tira a sua calcinha amiga e coloca uma daquelas porras mínimas e rendadas, que com certeza vão ficar entrando na sua bunda a noite toda. Melhor prevenir.

Os sapatos: Vale o mesmo que eu disse sobre roupas: ou é bonito, ou é confortável.
Geralmente, quando tenho um encontro importante, opto por uma peça de roupa bem bonita e desconfortável, e o resto menos bonito mas confortável.
FATO: Lei de Murphy impera. Com certeza, me vai ser exigido esforço da parte comprometida pelo desconforto. Ex: Vou com roupa confortável e sapato assassino. Com certeza, no meio da noite, o animal vai soltar um: - “Sei que você adora dançar, vamos sair para dançar!” Eu tento fazer parecer que as lágrimas são de emoção...
Uma vez, um sapato me machucou tanto, mas tanto, que fiz um bilhete para mim mesma e colei no sapato, para lembrar de nunca mais usar!.
- Porque eu não dei o sapato? Porra... me custou muito caro!!! Posso não usá-lo, mas quero tê-lo... Eu sei, eu sei, materialista do caralho!!! Vou voltar como besouro de esterco na próxima encarnação e comer muito cocô para ver se evoluo espiritualmente! Mas, por hora, o sapato fica.

Depois que você está toda montadinha, lutando mentalmente com seus dilemas do tipo:
- “Será que dou para ele? É o terceiro encontro, talvez eu deva dar...”
Começa a bater a ansiedade. Cada uma lida de um jeito... Tenho um faniquito e começo a dizer que não quero ir. Não para ele, ligo para a infeliz da minha melhor amiga e digo :
- Não quero mais ir!!! Sair para conhecer pessoas é muito estressante!!! Se um dia, eu tiver um AVC é culpa dessa tensão que eu passei na vida toda em todos os primeiros encontros!!! Quero voltar tartaruga na próxima encarnação!!! Ela, coitada, escuta pacientemente e tenta me acalmar.

- Agora imaginem vocês, se depois de tudo isso, o filho da puta liga e cancela o encontro?
- “Surgiu um imprevisto, podemos deixar para semana que vem???”
Gente, não é má vontade ou intransigência, mas eu acho inadmissível uma coisa dessas, a menos que seja algo muito grave! Eu fico puta, puta, PUTA da vida! Claro, na cabecinha deles não custa nada mesmo, eles acham que é simples, que a gente levantou da cama e foi direto pro carro deles. Se eles soubessem o trabalho que dá, o estresse, o tempo perdido... nunca ousariam remarcar nada.
- Se fode aí! Vem me buscar de maca e no soro, mas não desmarque comigo!!!
Até porque, a essas alturas, a dieta radical do queijo está quase te fazendo desmaiar de fome, é questão de vida ou morte a porra do jantar!!!
NÃO CANCELEM ENCONTROS A MENOS QUE TENHA ACONTECIDO ALGO MUITO, MUITO, GRAVE!!!

Supondo que ele venha. Ele liga e diz que está chegando. Você passa perfume, escova os dentes e vai. Quando entra no carro, já toma um eufemismo na lata:
- “MMM... tá cheirosa!!!” (tecla sap: “Passou muito perfume, porra!!!').
Ele nem sequer olha para a sua roupa. Ele não repara em nada. Ele acha que você é assim ao natural. Eu não ligo, acho homem que repara muito meio viado, mas isso frustra algumas mulheres.

E se ele for tirar a sua roupa, grandes chances dele tirar a calça junto com a calcinha e nem ver...
- Pois é, Minha Amiga, você passou a noite toda com a rendinha atochada no rego (que por sinal custou muito caro) para nada!!!
- Homens, vocês sabiam que uma boa calcinha, de marca, pode custar o mesmo que um MP4? Favor tirar sem rasgar!!!

Quando é comigo, passo tanto estresse que chego no jantar com um pouco de raiva do cidadão.
No meio da noite, já não sinto mais meus dedos do pé, devido ao princípio de gangrena em função do sapato de bico fino. Quando ele conta piadas e ri eu penso:
- “É, eu também estaria de bom humor, contando piada, se não fosse essa calcinha intra-uterina raspando no colo do meu útero”.
A culpa não é deles, é minha, por ser surtada com a estética. Sinto o estômago fagocitando meu fígado, mas apenas belisco a comida de leve. Fico constrangida de mostrar toda a minha potência estomacal assim, de primeira.

Para finalizar, quero ressaltar que eu falei aqui do desgaste emocional e da disponibilidade de tempo que um encontro nos provoca. Nem sequer entrei no mérito do DINHEIRO.
Pois é, tudo isso custa caro. Vou fazer uma estimativa POR BAIXO, muito por baixo, porque geralmente pagamos bem mais do que isso e fazemos mais tratamentos estéticos:
Roupa.............................. R$ 350,00
Lingerie........................... R$ 110,00
Maquiagem......................R$ 80,00
Sapato.............................. R$ 150,00
Depilação..........................R$ 80,00
Mão e pé...........................R$ 20,00
Perfume............................R$ 180,00
Pílula anticoncepcional....R$ 30, 00

Ou seja, JOGANDO O VALOR BEM PARA BAIXO, gastamos, no barato, R$ 1000,00 para sair com um Zé Ruela.

Entendem porque eu bato o pé e digo que homem TEM QUE PAGAR O MOTEL? A gente gasta muito mais para sair com eles do que ele com a gente! Por isto amigos, valorizem seu próximo encontro e aprendam um pouco mais, sobre este ser fantástico, chamado mulher...

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Celulares 3D


Pensou que já tinha visto de tudo?? Espere só até ver isso...
Eu fiquei de boca aberta literalmente!
Esse 3D no celular do vídeo é possível graças a uma ilusão de profundidade causada pelo monitoramento dos olhos pelo aparelho. Achei fantástico! Essa tecnologia já existe ha algum tempo, mas ainda não fez muito sucesso pela falta de conteúdo. Esquisito, né? Quando não há interesse de produtores de conteúdo, o produto não dá certo. É como o iPhone antes da AppStore (loja de aplicativos) — o celular não tinha o mesmo impacto que tem hoje.
Bom, eu particularmente estou louca prá ver os conteúdos 3D pipocando logo, porque eu simplesmente adorei a idéia!

sábado, 19 de setembro de 2009

O que é São Paulo


Alguns
dos meus queridos amigos cariocas têm mania de achar São Paulo parecida com Nova York. Discordo deles. Só acha São Paulo parecida com Nova York quem não conhece bem a cidade. Ou melhor, quem a conhece superficialmente e imagina que São Paulo seja apenas uma imensa Rua Oscar Freire. Na verdade, o grande fascínio de São Paulo é parecer-se com muitas cidades ao mesmo tempo e, por isso mesmo, não se parecer com nenhuma. São Paulo, entre muitas outras parecenças, se parece com Paris no Largo do Arouche, Salvador na Estação do Brás, Tóquio na Liberdade, Roma ao lado do Teatro Municipal, Munique em Santo Amaro, Lisboa no Pari, com o Soho londrino na Vila Madalena e com a pernambucana Olinda na Freguesia do Ó. São Paulo é um somatório de qualidades e defeitos, alegrias e tristezas, festejos e tragédias. Tem hotéis de luxo, como o Fasano, o Emiliano e o L'Hotel, mas também tem gente dormindo embaixo das pontes. Tem o deslumbrante pôr-do-sol do Alto de Pinheiros e a exuberante vegetação da Cantareira, mas também tem o ar mais poluído do país. Promove shows dos Rolling Stones e do U2, mas também promove acidentes como o da cratera do metrô e o do avião da TAM em Congonhas. São Paulo é sempre surpreendente. Um grupo de meia dúzia de paulistanos significa um italiano, um japonês, um baiano, um chinês, um curitibano e um alemão. São Paulo é realmente curiosa. Por exemplo: têm diversos grandes times de futebol, sendo que um deles leva o nome da própria cidade e recebeu o apelido 'o mais querido'. Mas, na verdade, o mais popular é o Corinthians, que tem nome inglês, fica perto da Portuguesa e foi fundado por italianos, igualzinho ao seu inimigo de estimação, o Palmeiras. São Paulo já foi chamada de 'o túmulo do samba' por Vinicius de Moraes, coisa que Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini e Germano Mathias provaram não ser verdade, e, apesar da deselegância discreta de suas meninas, corretamente constatada por Caetano Veloso, produziu chiques, como Dener Pamplona Abreu e Gloria Kalil. Em São Paulo se faz pizzas melhores que as de Nápoles, sushis melhores que os de Tóquio, lagareiras melhores que as de Lisboa e pastéis de feira melhores que os de Paris, até porque em Paris não existem pastéis, muito menos os de feira! Em alguns momentos, São Paulo se acha o máximo, em outros um horror. São Paulo teve o bom senso de imitar os botequins cariocas, e agora são os cariocas que andam imitando as suas imitações paulistanas. São Paulo teve o mau senso de ser a primeira cidade brasileira a importar a CowParade, uma colonizada e pavorosa manifestação de subarte urbana, e agora o Rio faz o mesmo. São Paulo se poluiu visualmente com a CowParade, mas se despoluiu com o Projeto Cidade Limpa. Agora tem de começar urgentemente a despoluir o Tietê para valer, coisa que os ingleses já provaram ser perfeitamente possível com o Tâmisa. Mesmo despoluindo o Tietê, mantendo a cidade limpa, purificando o ar, organizando o mobiliário urbano, regulamentando os projetos arquitetônicos, diminuindo as invasões sonoras e melhorando o tráfego, São Paulo jamais será uma cidade belíssima. Porque a beleza de São Paulo não é fruto da mamãe natureza, é fruto do trabalho do homem. Reside, principalmente, nas inúmeras oportunidades que a cidade oferece, no clima de excitação permanente, na mescla de raças e classes sociais. São Paulo é a cidade em que a democratização da beleza, fenômeno gerado pela miscigenação, melhor se manifesta. São Paulo é uma cidade em que o corpo e as mãos do homem trabalharam direitinho, coisa que se reconhece observando as meninas que circulam pelas ruas. E se confirma analisando obras como o Pátio do Colégio (local de fundação da cidade), a Estação da Luz (onde hoje fica o Museu da Língua Portuguesa), o Mosteiro de São Bento, a Oca, no Parque do Ibirapuera, o Terraço Itália, a Avenida Paulista, o Sesc Pompéia, o palacete Vila Penteado, o Masp, o Memorial da América Latina, a Santa Casa de Misericórdia, a Pinacoteca e mais uma infinidade de lugares desta cidade que não pode parar, até porque tem mais carros do que estacionamentos. São Paulo não é geograficamente linda, não tem mares azuis, areias brancas nem montanhas recortadas. Nossa surfista mais famosa é a Bruna, e nossos alpinistas, na maioria, são sociais. Mas, mesmo se levarmos o julgamento para o quesito das belezas naturais, São Paulo se dá mundialmente muito bem por uma razão tecnicamente comprovada. Entre as maiores cidades do mundo, como Tóquio, Nova York e Cidade do México, em matéria de proximidade da beleza, São Paulo é, disparado, a melhor. Porque é a única que fica a apenas 45 minutos de vôo do Rio de Janeiro. O mais importante é que com essa distância nenhuma bala perdida pode alcançar São Paulo!

- Texto atribuído a Washington Olivetto, paulista, paulistano e publicitário.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Blog novo no ar!!!

Espero que gostem!
Agora é mais rápido dar a sua opinião, clicando no rodapé de cada postagem o que você achou.
Ou então, deixe seu comentário, à moda antiga!
Sejam bem vindos à casa nova!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Japonesas descombinantes

Não sei porque as japonesas têm essa mania incrível de descombinar tudo. Por mais que eu tente imaginar, acho impossível ser tão cafona como algumas delas.
Um grande amigo meu acabou de voltar do japão e confirmou o extremo mega ultra exagero exageradíssimo das produções ridículas. Fora o fato de serem esqualidas, quase anorexicas...
Vamos às ressalvas: algumas orientais são extemamente charmosas e bem vestidas, claro! Aliás, as japonesinhas quando são prá ser bonitas, são lindas!
Mas tem aquele grupinho que... nossa senhora... Vide as moças aí abaixo. Fui eu mesma que fotografei. E elas paravam o trânsito, todo mundo olhava: mas com certeza não era pela beleza!! Veja só. Duvido que alguem descombine mais que elas. Só faltaram as polainas!

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Perguntas para prova de direito

01. Qual a capital do estado civil?
02. Dizer que gato preto dá azar é preconceito racial?
03. Com a nova Lei Ambiental, afogar o ganso passou a ser crime?
04. Pessoas de má fé são aquelas que não acreditam em Deus?
05. Quem é canhoto pode prestar vestibular para Direito?
06. Levar a secretária eletrônica para a cama é assédio sexual?
07. Quantos quilos por dia emagrece um casal que optou pelo regime parcial?
08. Tem algum direito a mulher em trabalho de parto sem carteira assinada?
09. A gravidez da prostituta, no exercício de suas funções profissionais, caracteriza acidente de trabalho?
10. Seria patrocínio o assassinato de um patrão?
11. Cabe relaxamento de prisão nos casos de prisão de ventre?
12. A marcha processual tem câmbio manual ou automático?
13. Provocar o Judiciário é xingar o juiz?
14. Se um motel funciona somente das 8 as 18 horas, podemos dizer que ali só ocorrem transações comerciais?
15. Para tiro à queima-roupa é preciso que a vítima esteja vestida?

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Péssimo atendimento no Ragazzo

Segue a reclamação que fiz sobre os serviços do Ragazzo, que têm decepcionado bastante ultimamente:
"Ao Serviço de Atendimento ao Consumidor Ragazzo,
Gostaria de fazer uma reclamação a respeito do péssimo atendimento que recebemos no ultimo domingo. Fomos à loja da av. Faria Lima (São Paulo) e perguntamos na porta se eles ainda estavam servindo no salão. Nos informaram que sim. Então paramos o carro e entramos menos de 5min depois. Qual foi a nossa surpresa quando estavamos entrando e a recepcionista nos disse que eles haviam fechado a um minuto! Ficamos bastante decepcionados pois tivemos o trabalho de parar o carro para recebermos uma negativa em menos de 5 minutos. Resolvemos então passar por cima desse inconveniente e perguntamos se a loja da Alameda Santos estaria aberta para consumo no salão. Nos foi informado que sim, com toda certeza, pois eles teriam horário diferenciado e fechariam o salão só as 3h da manhã e depois das 3h apenas serviriam para viagem. Nos deslocamos então até essa loja. Ao entrarmos, a recepcionista foi extremamente grosseira, falando conosco em tom irritadiço e de costas que o salão já estava fechado e eles só serviriam para viagem. Explicamos que viemos de outra loja que nos disse que eles ficavam abertos até as 3hs. Ela negativou essa informação fechando a porta de vidro na nossa cara! Sou frequentadora dos restaurantes do Ragazzo desde o inicio de suas atividades e posso dizer que o atendimento tem piorado dia após dia, de tal forma que, depois do atendimento recebido neste final de semana, pensarei duas vezes antes de voltar a uma das lojas. As porções estão cada vez menores (antes um prato era o suficiente para uma refeição, agora não mais), a limpeza está sofrível (guardanapos do chão, panos sujos "limpando" a mesa, cadeiras bagunçadas, banheiros em péssimo estado), sem contar o atendimento cada vez pior e agora ainda sendo grosseiros e causando transtornos aos seus clientes. Como consumidora digo que estou muito insatisfeita com o Ragazzo, que está passando de um fast food de qualidade para um serviço inaceitável. Espero que essa mensagem sirva de alerta, pois a idéia de um fast food italiano é algo que agrada bastante os paulistanos, que também prezam muito pela qualidade oferecida. Por favor, gostaria de receber uma resposta a respeito do ocorrido. Sem mais, agradeço a atenção."
É demais, não é?? Vamos ver se eles respondem e se essa mensagem cumprirá sua função. Se a gente se cala, as coisas só podem ficar piores...

Atualização: Querendo ser o mais justa possível, estou colocando aqui a resposta que recebi do SAC do Ragazzo em resposta à reclamação acima, e também a impressão que tive ao voltar à mesma loja na semana da reclamação. Me pareceu que realmente surtiu efeito. A loja da Alameda Santos eu ainda considero a pior de todas as que eu conheço da franquia, apesar de ter me passado uma impressão melhor na ultima visita. Mas ainda têm longo trabalho pela frente..:

Data: 16 de setembro de 2009 14:44
Re: Atendimento Loja Faria Lima e Alameda Santos

Prezada Sra, Boa Tarde!

Agradecemos seu contato e nos desculpamos pelo ocorrido.

Procuramos sempre ter um alto padrão de Qualidade, seja em Atendimento, Higiene, Produto, Instalações e desejamos que tais características, sejam encontradas em todas as lojas do Ragazzo. Dentro deste conceito, devem seguir obrigatoriamente os padrões rígidos, obedecendo aos processos de forma a garantir igualdade no tratamento e conforto.

O Ragazzo tem investido em Treinamento e Qualificação de seus funcionários. Assim, esperamos promover, com este fator e sua colaboração, melhorias nesta Loja, enquadrando-a nos padrões de Atendimento exigidos pelo Ragazzo.

Ao tomar conhecimento dos fatos, o Gerente responsável demonstrou grande interesse em contatá-la. Solicitamos que envie-nos uma nova mensagem, informando telefone para contato.

Ficamos no aguardo.

Cordialmente,
-----------------------------------------
Data: 25 de setembro de 2009 12:39

Bom dia!

Conforme solicitado, meu telefone de contato é o xxxxxxxx.
Volto a dizer que a minha reclamação quanto ao ocorrido foi uma crítica construtiva, pois acho muito interessante a proposta de um fast food italiano, com os preços convidativos do grupo Habib's.

G
ostaria de acrescentar que na ultima quarta feira (23/9) a tarde fui novamente a loja da Alameda Santos com alguns amigos, onde notamos uma arrumação e limpeza bastante melhorados em relação aos ultimos tempos. Acredito que algumas mudanças devem ter ocorrido e ainda estão por ocorrer nesta loja.

Muito obrigada pelo retorno e sucesso na manutenção do alto padrão de qualidade como missão do Ragazzo.

Atenciosamente,
-----------------------------------------
Data: 25 de setembro de 2009 13:45

Prezada Sra., Boa tarde!
Agradecemos o retorno com as informações.

Notificamos o Gerente responsável, que está de posse do seu telefone e solicitamos que aguarde um breve retorno, para mais esclarecimentos.

Ficamos satisfeitos com a sua colaboração, no sentido de nos enviar Críticas, Sugestões e Elogios, oferecendo-nos assim a oportunidade de melhoria em nossos serviços.

Permanecemos à disposição.

--------------------------------------------


quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Marley & Eu

Marley & Me - Comédia - 115min
Se você tem coração, gosta de animais e ama a vida, você vai amar esse filme. E vai chorar muito também. Portanto, prepare o coração... Não tenho muito o que falar sobre esse filme que eu simplesmente amei!! A frase final traduz perfeitamente tudo:

Um cão não vê utilidade em carros elegantes, nem em casarões, nem em roupas de grife. Um graveto serve para ele. Um cão não se importa se você é rico ou pobre, talentoso ou sem graça, inteligente ou burro. Dê a ele o seu coração e terá o dele. De quantas pessoas você pode dizer isso?
Quantas pessoas o fazem sentir-se único, puro e especial?
Quantas pessoas o fazem sentir-se extraordinário?

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

Os Delírios de Consumo de Becky Bloom - Comédia - 104min
Becky é uma jornalista, vive em NY e é louca para trabalhar numa revista de moda famosa. Além disso, é shopaholic e tem uma dívida astronômica em 12 cartões de crédito!! Ela vê a sorte bater na sua porta quando consegue um emprego em uma revista de economia e sua coluna A Garota da Echarpe Verde vira o maior sucesso! Lembra algo familiar? Esse filme é uma comédia romântica que fez a fama por ter a mesma figurinista de O Diabo Veste Prada, e a história tem também mais ou menos a mesma proposta. Mas na minha opinião o figurino e o enredo desse ultimo são bem melhores que o de Becky Bloom. O excesso de cores pode ter a ver com a proposta divertida do filme e cai muito bem! Mas se vc, assim como eu, quer ver o filme achando se tratar de uma aula de moda maravilhosa como foi O Diabo Veste Prada, não perca o seu tempo. É uma comédia açucarada, não é exatamente um filme ruim, mas existem outros muito melhores. Não assista pensando que é a comédia do ano ou a melhor indicação do cara da locadora. É um passatempo para aqueles dias em que a gente quer deixar o cérebro "de férias" e não quer mais que uma diversãozinha básica..!

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Crítica de Cinema? Não é a minha pretensão...

Tenho um novo hobbie ultimamente: Cinema! É uma delícia sentar a noite e assistir vários filmes, seja no cinema, em casa (aproveitando a TV nova!), a lista tem crescido bastante. Aí vem aquela dúvida sobre qual o próximo filme assistir, né?? As indicações variam muito! As críticas de cinema feita por profissionais nem sempre são confiáveis. Muitas vezes eles recomendam filmes horríveis e cansativos como se fossem maravilhosos. Outras vezes somos surpreendidos com uma crítica péssima sobre aquele filme maravilhoso que vimos no final de semana. Acho que crítica de filme deve apenas nos orientar sobre como é o filme, qual seu estilo, quando assistir. Tem gosto prá tudo! Tem dias que pedem um filme de terror prá divertir um pouco. Às vezes queremos aqueles intrigantes em que nos sentimos verdadeiros detetives e pensamos o filme inteiro sobre o que acontecerá na próxima cena (Sasha, cena é com "c" e não com "s"!!! kkkk...) Em dias de TPM, toda mulher quer aquele filme de amor lindo, ou aquela comédia romêntica imperdível regada a brigadeiro e pipoca. Outros a gente só quer relaxar e ver alguma coisa bem açucarada. Aí vem aquela crítica do jornal e diz que o filme açucarado é ruim??? Ruim prá quê?? Prá quem?? Acho que tudo depende do momento. Então, sempre que puder vou comentar um filme que eu tenha assistido. Comentários de uma pessoa real, igual você! Será o mesmo que você perguntar a opinião de um filme prá uma amiga sua. Acho que será uma opinião muito mais fidedígna do que a que você leu no jornal!!
Espero que gostem! Recomendem também seus filmes, deixem sua opinião sobre eles. Acho que vai ser uma proposta bastante interessante.
Abaixo, os últimos filmes que assisti e que entrarão com seus comentários em breve.
Beijos e Bom Filme!!

  • O Leitor
  • Eu sou a Lenda
  • Dúvida
  • A Troca
  • Viagem ao Centro da Terra
  • Awake
  • P.S. Eu te Amo
  • REC
  • Vicky Cristina Barcelona
  • Marley e Eu
  • Eu, Christiane F.
  • Ultima Parada 174
  • Arraste-me para o Inferno
  • Efeito Borboleta 3
  • Inimigos Públicos
  • Era do Gelo 3
  • 17 outra vez
  • O Iluminado
  • Bonnie e Clyde

Seu Apoio Juridico

Medicina em Foco - últimas postagens