sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Tudo prá você

"E todas os poemas de amor que eu já fiz
Eu fiz... Pra você
E todos os filmes de amor que eu já vi passar
Passaram... Pra você.
É, você tá em todos os momentos que eu vivo
E que eu desejo.
É, você impregnou na minha carne, nos meus sonhos
E agora não tem volta
Eu preciso te viver.
E todas as flores que eu já vi desabrochar
Desabrocharam... Pra você
E todos os beijos mais apaixonados que eu guardei
Estão guardados... Pra você.
Contam nossa história
De tristezas e glórias
O poema mais bonito
Que eu já li...
E todas as músicas, os filmes, e as flores e os beijos...
Pra você!"
- Sandy -

0 comentários:

Seu Apoio Juridico

Medicina em Foco - últimas postagens